Uroginecologia | Espaço Bem Viver

O assoalho pélvico é formado por músculos, ligamentos e fáscias, juntos atuam na sustentação dos órgãos pélvicos, principalmente útero, bexiga e reto. Um mau funcionamento desses músculos pode desencadear uma serie de disfunções, que necessitam de avaliação e tratamento fisioterapêutico individualizado.

 

Incontinência urinária

A incontinência urinaria, apesar de comum em mulheres com idade avançada por ocorrer em mulheres jovens. O treinamento dos músculos do assoalho pélvico busca melhorar a força e a coordenação da musculatura, e junto com outras técnicas de tratamento auxilia no tratamento desta disfunção urinaria.

 

Sinais de Alerta!

  • Perder urina, mesmo que em gotas na calcinha.
  • Perder urina na cama ao dormir.
  • Perder urina com ou sem esforço (tossir, rir, espirrar).
  • Levantar com vontade de urinar muitas vezes durante a noite.
  • Ir ao banheiro para urinar mais que 8 vezes ao dia.
  • Sentir uma vontade repentina ter que correr ao banheiro (perdendo urina antes ou não).
  • Sensação de esvaziamento incompleto.
  • Incontinência fecal.
  • Prolapso de órgãos pélvicos (bexiga, útero e reto caídos).
  • Disfunções sexuais como vaginismo, vulvodínea, dispareunia.